“Habemus Blogum!”

Salam Aleikum Sadiques!!

Que é como quem diz: Saudações, amigos!

Antes de mais nada, um ponto prévio: As coisas que eu escrever em estrangeiro, que não o inglês, serão escritas da maneira mais próxima ao que soa foneticamente, ou seja, eu privilegio a forma de como se diz algo em árabe, ignorando (na quase totalidade dos casos, assumo humildemente) como se escreve.

Terminada esta pequena nota, é com grande alegria que vos digo, amigos, conhecidos e ilustres e curiosos desconhecidos…

Habemus Blogum!!

Pois é, o primeiro dos 9 meses desta jornada arábica, iniciada a 3 de Setembro de 2008, já está dobrado. Este blogue surge da necessidade de partilhar com o meu universo pessoal e com o mundo em geral (que talvez se vá a restringir à comunidade lusófona, por razões óbvias) um pouco da minha experiência numa realidade completamente diferente, filtrada pelos sentidos de um ocidental, em que estão a ser postas à prova competências profissionais, noções de senso comum e pressuposições culturais, políticas e religiosas, e, por que não, o savoir faire das lides domésticas.

Quando vim para cá, pensei que não teria tempo e/ou paciência para criar um cantinho cibernético onde congelasse o tempo. O meu Tempo. Depois de um mês em modo esponja-humana, a absorver tudo o que me rodeia, e com algum tempo livre, confesso, resolvi organizar umas ideias, até então soltas, e partilhá-las.

Assim – e digo-o em jeito de declaração de intenções – quero fazer deste espaço, não um diário de bordo, mas um espaço opinativo e com algumas informações úteis que, espero, ajudem a acentuar ou desmistificar as ideias colectivas que se tem desta parte do globo. Daí a referência aos ventos contra-alísios no subtítulo. Segundo a Wikipedia – e quem sou eu para contrariar – “(…)estes ventos secos dissipam a cobertura de nuvens, permitindo que mais luz do sol aqueça o solo.”. Metaforicamente falando, espero, sem qualquer tipo de pretensão egocêntrica, afastar as nuvens das dúvidas e deixar que o sol do conhecimento me/vos aqueça o forno das ideias e da curiosidade pelo desconhecido.

Não querendo maçar-vos mais, e agradecendo os minutos emprestados, despeço-me com um “até já” e um chucran, isto é, “Obrigado.” Vão dizendo coisas. Sabe-me bem ler-vos.

Um beijo especial para o meu Sorriso, um abraço musculado para o Pimentas, outro para o Vencesboy (que foi o meu link para estar nas arábias) e outro ainda maior para o Padeiro.

Anúncios

~ por pensaventosnodeserto em Outubro 4, 2008.

4 Respostas to ““Habemus Blogum!””

  1. Olá piqueno!

    Só para deixar um abraço a ti e aos outros dois irmãos que estão contigo.
    Por cá tudo bem, a FMG está a correr bem e estamos a produzir muitas coisinhas para vocês verem qd chegarem.
    Vou tentar visitar este teu espaço com regularidade.
    Abraços.

  2. un bacio dall’italia!
    ciao ciao bambino 😛

  3. Meu ….
    como tu dizes “Habemus Blogum!”.
    Essa ideia de contrariar o “diário de bordo” agrade-me de sobremaneira.
    Ja sabemos q isto é um amontoado de “arranha-céus”, mas alguma alma há-de ter, mais q não seja pelos seres q ca vivem, as suas historias (ou estórias), as suas culturas, o seu passado e mais ainda o q estão a fazer no presente para construir o futuro.
    Chega-te á frente irmão…. Já percebi q sabes lêr, agora escreve.

  4. Viva shô Vitor,

    É bom saber de um ponto de ligação a casa, a meio mundo de distância.
    Um grande abraço para ti e também para o Calvin e para o Hobbes.

    Miztabredman

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: